segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Estação das Artes é palco de debate sobre políticas para Juventude

               O 1º Fórum Metropolitano de Hip e Hop e Juventudes que foi realizado ontem (16-01) na Estação das Artes teve boa participação de membros do movimento Hip Hop da maioria das cidades da região Metropolitana da Baixada Santista e contou com pessoas vindas da capital, do grande ABC como Ribeirão Pires e de Marília no interior do estado. O local escolhido deu um ar de interior para o evento, mas revelou um patrimônio em estado de abandono que é o imóvel da antiga estação ferroviária e que é hoje a Estação das Artes. 
                A discussão motivada pela mesa que foi composta pelo diretor da Secretaria de Juventude de São Vicente, Danilo Otto, a membro da Central Única das Favelas de Guarujá – CUFA, Mina Su e o palestrante e também presidente do Conselho de Cultura de Marília Eric Meireles de Andrade girou em torno do desenvolvimento de políticas voltadas para a juventude onde a Cultura Hip Hop tem papel de destaque. Andrade ressaltou a importância da criação de políticas voltadas para o público jovem, mas fez a seguinte observação: “Política pública de Juventude não pode ser um oba-oba. Tem que saber pra onde vai”. O palestrante também citou as dificuldades dos artistas em geral de captar recursos públicos e enumerou como sendo a primeira dificuldade das entidades artísticas a parte da legalização, a segunda a dificuldade seria a montagem de projeto e a terceira a prestação de contas. Eric também lembrou que é muito importante para todos ligados ao movimento cultural lerem o Plano Nacional de Cultura em lembrou da imensa dificuldade que tem o movimento Hip Hop de se unir e disse: “Planejar significa ter acesso”, conta.
                Otto falou sobre a importância da participação dos jovens nas discussões, pois poucos se interessam e falou dos projetos desenvolvidos em São Vicente voltados para a juventude como o Tubo de Ensaio, Jepom e muitos outros. Mina Su representante de Guarujá falou do trabalho que a CUFA vem realizando na cidade utilizando a arte como inclusão social e mostrou a preocupação do envolvimento dos jovens com o crime e convidou a todos a participarem da CUFA Guarujá.
    Estação das Artes
               O diretor cultural, Joaquim Teixeira, acompanhou os membros do Conselho de Cultura que estavam presentes no Fórum para um passeio pelo local e foram até o outro lado da estação. Foi mostrada as condições do imóvel que se encontra ocioso, somente sendo utilizado como depósito e que necessita de reformas urgentes. Joca como é mais conhecido citou o desejo da Secretaria de Cultura de tornar o local num ponto para eventos culturais
                                                            
                     Saia justa

                Ao fazer uso da palavra o membro do Conselho de Cultura de Cubatão, Paulo Rodrigues, citou a expressão Cultura de Gueto se referindo ao Hip Hop, o que causou uma pequena saia justa entre os presentes e para os organizadores, mas que não teve maiores conseqüências.

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Árbitras assistentes contam suas experiências

              No penúltimo dia da 1ª Semana da Arbitragem e Futebol de Campo e Primeiros Socorros realizado em 16 de dezembro no mini-auditório da Câmara Legislativa de Cubatão tivemos a participação das árbitras assistentes, Adriana de Almeida Silva e Deborah Frik, que falaram sobre o impedimento, regra 11. Adriana que é professora de Educação Física na Prefeitura de Cubatão esclarece que as discussões com jogadores são constantes e muitas vezes respondem de forma áspera. “Eu falo que explicar e ensinar é mais caro”, conta a assistente. Silva também explica que muitas vezes o jogador tenta ludibriar a arbitragem saindo fora de campo. ”Qualquer defensor que sair do campo de jogo por qualquer motivo, sem a permissão do árbitro, deve ser considerado como se estivesse sobre sua própria linha de meta ou linha lateral, para fins de impedimento até a seguinte paralisação de jogo”, informa.
                A assistente Deborah Frik que também leciona Educação Física só que em Guarujá revela que já bandeirou em condições adversas: ”Já chorei no banheiro depois de fazer bastante burrada, já bandeirei na TPM e já bandeirei doente”, conta. Questionada sobre a divisão de responsabilidade com o árbitro principal ela conta: “Geralmente o árbitro assistente marca faltas próximas a ele, senão ele vai bandeirar e arbitrar”, revela Frik.


quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Inscrições abertas para Taça Cidade de Cubatão de Futsal

              
              A Liga de Futebol de Salão de Cubatão está com inscrições abertas para a edição 2011 da Taça Cidade de Cubatão nas categorias menor, feminina, principal, veterana e cinquentão. A Reunião com os organizadores e participantes será no próximo dia 27 na sede do Grêmio dos Servidores Municipais às 19 horas. Maiores informações pelo telefone 78097815 = ID 90*12531.

Champions League da Vila Nova terá prêmio de mil reais para o 1º colocado

               A premiação para o primeiro colocado da Champions League da Vila Nova de 2011 será de R$1.000,00 (um mil reais) conforme informa um dos organizadores do campeonato, Marcos Aurélio Andrade da Silva, o Marquinhos.

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Escola de Samba Nações Unidas cria blog

O Grêmio Recreativo e Escola de Samba Nações Unidas tem a partir de ontem, além de página no orkut um blog e também twitter que você poderá acessar também entrando na página do Jornal Vila Nova. Acesse e fique sabendo dos últimos acontecimentos da agremiação:

www.gresnacoesunidas.blogspot.com
www.twitter.com/Carnaval_Nacoes



Fonte: Fabrício Lopes

sábado, 1 de janeiro de 2011

Ministério de Dilma Rousseff


A presidente Dilma Rousseff tomou posse hoje diante de milhares de pessoas que também vieram prestigiar a despedida de Lula. Veja abaixo como ficou o Ministério da primeira presidente do Brasil:







Advocacia Geral da União - Luís Inácio Lucena Adams
Agricultura – Wagner Rossi
Banco Central – Alexandre Tombini
Casa Civil – Antonio Palocci
Cidades – Mário Negromonte
Ciência e Tecnologia - Aloizio Mercadante
Comunicação Social – Helena Chagas
Comunicações – Paulo Bernardo
Controladoria Geral da União – Jorge Hage
Cultura – Ana de Hollanda
Defesa – Nelson Jobim
Desenvolvimento Agrário – Afonso Florence
Desenvolvimento, Indústria e Comércio - Fernando Pimentel
Desenvolvimento Social – Tereza Campello
Direitos Humanos – Maria do Rosário
Educação – Fernando Haddad
Esporte – Orlando Silva Jr.
Fazenda - Guido Mantega
Gabinete de Segurança Institucional – José Elito Carvalho Siqueira
Igualdade Racial – Luiza Bairros
Integração Nacional – Fernando Bezerra Coelho
Justiça – José Eduardo Cardozo
Meio Ambiente – Izabella Teixeira
Minas e Energia – Edson Lobão
Mulheres – Iriny Lopes
Pesca – Ideli Salvatti
Planejamento – Miriam Belchior
Portos – Leônidas Cristino
Previdência – Garibaldi Alves
Relações Exteriores – Antônio Patriota
Relações Institucionais – Luiz Sérgio
Saúde – Alexandre Padilha
Secretaria de Assuntos Estratégicos – Moreira Franco
Secretaria Geral da Presidência – Gilberto Carvalho
Trabalho - Carlos Lupi
Transportes – Alfredo Nascimento
Turismo - Pedro Novais
Chefe do Gabinete da Presidência - Giles Carriconde Azevedo